Montando móveis 2. IKEA jokes.

ikea2 ikj1Foi relativamente rápido achar um apartamento. Já conhecíamos a região, sabíamos mais ou menos onde pesquisar. Já desde algum tempo vinha vendo na internet e fazendo alguns contatos, marcando visitas para Poá a chegada. O carro foi bom, sem burocracia e rápido. A parte prazerosa (tudo acaba sendo) de comprar os móveis foi legal. Mas montar móveis e arrumar, parece que não acabava nunca. Haja coluna vertebral!

Virei fã, reitero, da IKEA. Os manuais de montagem vêm sem uma palavra, pois eles vendem para o mundo. Só ilustrações, claras, elucidativas. O planejamento industrial passa pela forma de facilitar a montagem, sem influir no custo.

Os americanos gostam, lotam e até fazem piadas com a IKEA. Vi algumas (“pedi um sofá de couro pela IKEA.com. Mandaram um boi, um ralador e um manual ensinando a tirar o couro”). Ou a ilustração anexa, de uma entrevista de emprego na IKEA …

Anexas, fotos de minhas novas habilidades.

IMG_8749 IMG_8753 IMG_8754 IMG_8757 IMG_8758 IMG_8759 IMG_8765 IMG_8771 IMG_8773 IMG_8776 IMG_8781 IMG_8784 IMG_8788 IMG_8801 IMG_8812 IMG_8829 IMG_8830 IMG_8835

IKEA, IKEA 2 e mais IKEA

ikeaIMG_8743 IMG_8741 IKEA_boxes Quando fiz MBA ou um dos outros cursos executivos de que tive a felicidade de participar, foi citado como exemplo de sucesso a IKEA. A maior cadeia de móveis do mundo, baseada e levando ao extremo o conceito de faça você mesmo. Fiquei, desde então curioso para conhecer uma IKEA, pois não tem no Brasil. A chance estava próxima.

Com a perspectiva de ficar um ano, com um apartamento alugado com a cozinha montada e armários embutidos, faltava tudo o mais. E tudo o mais inclui camas, sofá, pratos, lençóis e outras coisas essenciais em uma casa. Me recomendaram a IKEA, mas eu iria lá mesmo que não me tivessem recomendado.

Levar ao extremo o conceito de faça você mesmo inclui você escolher o  móvel, anotar o número dele e pegar as caixas dele desmontado no gigantesco estoque da loja. Uma área só de caixas do lado do show room. Você pega, ninguém ajuda. Se a caixa é descomunal, é dividida em duas. Ou mais. Os carrinhos de carregar caixas são adequados e até o elevador (grande como uma sala, o maior que já vi), tem a porta do exato tamanho de para uma pessoa levando a maior caixa (de um sofá) passar por lá.

O show room da IKEA é imenso. Tok & Stok e Etna se inspiraram nela (com algumas ressalvas e adaptações). Cada produto tem um nome, sueco. Os menores se pegam na área chamada Market Place. Os maiores, no armazém anexo.

Mas por que comprar móveis, se se vai ficar um ano? Bom, tem que se comprar alguma coisa. Queremos receber hóspedes. Fomos a garage-sales, e garimpamos bons produtos. Tínhamos que criar uma rotina para as crianças estudarem. E se adaptarem. E pesquisei (Ebay, Amazon) que os produtos IKEA tem bom valor de revenda.

Eles, para fazer valer seu slogan “Affordable Design”, ou design acessível, retiram do preço boa parte de custos de mão de obra, armazenagem e transporte. Como? Deixando para o consumidor fazer. Você compra peças acondicionadas em caixas bem compactas. O que não toma espaço deles e economiza o transporte. Você mesmo retira as caixas do armazém (cada produto tem a indicação sobre que corredor e que compartimento do corredor está a caixa (ou as caixas). Algumas são BEM pesadas, o que pode causar desconforto.

Porém, é sensacional a loja. Gosto dessas coisas, sempre gostei de trabalhos manuais em casa e a ideia de montar um sofá me atraiu.

Aqui na região tem duas lojas IKEA, a de Palo Alto e a de Emeryville. Apesar de a de Emeryville ser geograficamente um pouquinho mais perto – ou menos longe – do hotel, eu já sabia que o caminho para lá é mais congestionado (atravessar a Bay Bridge).

Fomos à IKEA de Palo Alto. No primeiro dia só olhando tudo. Minha mãe ficou fascinada. Só ela…

Mais de IKEA, claro, em WWW.ikea.com